Três três #7 - Sintoma

Três três #7 - Sintoma

O sintoma está no tempo, na cronologia. Possibilita inferir um futuro quando vemos cada momento como o anúncio do seguinte, quer a partir da descoberta de uma lei histórica, quer da intuição que radica na vida contada. O sintoma vale pela adivinha que permite. É quase sempre sinal de uma anormalidade, como se ela existisse. Enuncia a tempestade com surpresa como se as tempestades não fossem comuns. É nesta ambiguidade que de repente tudo é sintoma e doença ao mesmo tempo. A história é uma espiral horizontal.

Colaboradores:
Bruno Afonso, Fausto Vicente, Felipe Pathé Duarte, Gonçalo Fonseca, Isabel Xavier, José Ricardo Nunes, Nuno Fragata, Pedro Xavier Mendonça, Ricardo Norte e Rita Baptista

Convidados:
António Tavares, As Bap, Dalila Garcia, Daniel Ferreira, Headitor, Hugo Pinto Santos, Irene Loureiro, Joana Tavares, Joana Zózimo, João B. Serra, Jorge Muchagato, José Manuel Teixeira da Silva, Júlio Mendes Rodrigo, Lichun Tseng, Michele C. Rocha, Patrícia Chaves, Paulo Constâncio, Paulo José Miranda, Raquel Serejo Martins, Sandra Roda, Tatiana Faia, Tiago Fontes, Xavier Rafael

Capa: Fausto Vicente